CERVEJA DE LICURI EM MATÉRIA SOBRE CERVEJAS ARTESANAIS

Já são diversas e variadas as matérias dos periódicos, blogs e outros meios de comunicação, que despertaram curiosidade pela PRIMEIRA CERVEJA DE LICURI, distribuída e comercializada pela COOPERSABOR, com a marca MONTE SABORES.

Nesta última, o CORREIO DA BAHIA fez um recorte especial para as cervejas artesanais apresentadas durante a FEBAFES (Feira Baiana da Agricultura Familiar e Economia Solidária). Com destaque para o lançamento da BLOND ALE de LICURI.

Licuri não é coco, mas pode ser transformado em bebida. Cerveja, e das boas. É isso o que estão provando os produtores rurais da Cooperativa Coopersabor, Cooperativa de Produtores Rurais de Monte Santo, cidade a 350 quilômetros da capital baiana. Eles estão aproveitando o crescimento do consumo de cervejas artesanais no Brasil – e também no mundo – para agregar valor à produção da fruta típica do Caatinga e aumenta a receita dos cooperados. E não só eles. Outros sabores típicos do campo baiano, como o umbu e o cambuí, estão sendo transformados em cerveja, agradando paladares diversos e abrindo mercados para a agricultura familiar do estado.

A Coopersabor demorou um ano fazendo testes e experimentos. Eles conseguiram desenvolver uma bebida marcante e refrescante. O sabor harmoniza o malte com as caraterísticas típicas do licuri, comum em todo o Nordeste. “O licuri é uma palmeira típica da caatinga. Nós já produzimos doces, geleias, biscoitos, cosméticos e até azeite de licuri. Pensamos em criar outros produtos com maior potencial econômico, daí surgiu a cerveja”, afirma Farnésio Braz, técnico da Coopersabor.

Confiram a matéria completa, de Georgina Maynart, em:

https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/cerveja-com-sabor-de-baianidade-produtores-usam-frutas-para-fabricar-bebida/

(Foto: André Frutuôso/Divulgação)

10ª Comemoração da Consciência Negra em Laje do Antônio

Aconteceu no dia 24 de novembro, com muita beleza e brilho, a comemoração do dia da consciência negra, da comunidade de Laje do Antônio, em Monte Santo-Ba, que esse ano chega a sua vigésima edição.

A comunidade reuniu moradores locais e comunidades circunvizinhas. Tanto expectadores, quanto um leque de variadas apresentações culturais. Desde grupos de Reisado, a modelos que desfilaram concorrendo ao título de Beleza Negra do evento.

  

Teve oficina temática, ensinando a fazer tubante. Bate-papo com o Professor Tony de Souza e a Professora Lilian, falando sobre Cultura e Diversidade Negra e O Empoderamento da Mulher Negra.

Muita apresentação e animação com a Apresentação de Talentos. Confiram essa festança da resistência da comunidade Quilombola de Laje do Antônio e aprecie a beleza da cultura negra de nosso país, nesse pedacinho de chão do semiárido baiano.

Os clicks completos do evento e apresentações, estão no nosso álbum no face:
https://www.facebook.com/pg/EducomunicAresol/photos/?tab=album&album_id=1942043075936732

E o vídeo a seguir:

NASCE A PRIMEIRA CERVEJA DE LICURI

Quem foi que disse que licuri é coco pequeno?!

É pela grandiosidade desse fruto nativo da caatinga e por toda a sua importância sócio-econômica, nas diversas regiões do semi-árido, que a COOPERSABOR trás para nós a CERVEJA DE LICURI!

Comercializada e distribuída através da marca MONTE SABORES, a surpreendente cerveja chega num estilo BLOND ALE. Essa é mais uma inusitada e saborosa forma de beneficiamento desse fruto que gera tanta riqueza na e para a caatinga.

Assim, convidamos à todxs para celebrarmos juntos o lançamento da CERVEJA DE LICURI, dia 27/11 (Hoje),
em Salvador, no Parque de Exposições, na praça dos Territórios, durante a programação da Feira Baiana de Agricultura Familiar e Economia Soldiária. O lançamento será a partir das 18h. Venha degustar o que há de
melhor da produção justa e solidária.

Festa Literária Internacional de Cachoeira

“Nossa escrevivência não pode ser lida como histórias para “ninar os da casa grande”
e sim para incomodar os seus sonos injustos”. (Conceição Evaristo)

Da resistência literária, à produção solidária, o Festa Literária Internacional de Cachoeira 2018, ficou recheada de sabores e saberes, com a realização do Festival de Economia Solidária, acontecido de 11 a 14.

A escritora homenageada deste ano foi a mineira Maria da Conceição Evaristo Brito, que concorreu a cadeira de Castro Alves na ABL. E, embora não tenha ocupado, Conceição Evaristo honra a todos os que lutam contra descriminação racional, de gênero e/ou de classe neste ainda injusto Brasil.

Foi nesse clima de muita militância escrita, através de produções literárias e da prática do comércio justo, da economia solidária, que o CESOL dos territórios do Piemonte Norte do Itapicuru, Piemonte da Diamantina, e municípios de Monte Santo, Nordestina, Itiúba e Queimadas, levou para o festival uma diversa gama de produtos da agricultura familiar, economia popular e solidária, que são cooperadamente organizados pela COOPERSABOR e comercializados com a marca Monte Sabores.

 

O fortalecimento da comercialização dos produtos da economia solidária, através da realização dos festivais e feiras, são de suma importância para alavancar a viabilidade econômica dos grupos e iniciativas da economia popular e solidária. E também para fortalecer os laços das redes consolidadas, mas também das novas relações que são criadas, através do intercâmbio propício a estes espaços. Isso é resultado de uma política pública que busca entender a importância disso, fomentando e co-participando dessa construção.

Vida longa a FLICA.
Vida longa aos Festivais de Ecosol!

#ELENÃO
#OAMORVENCEOÓDIO

  

                  

+ IMAGENS

Foto: https://www.facebook.com/media/set/?set=a.1907953199345720&type=1&l=75d03b7e7e

Vídeo: https://youtu.be/jI7sNle4cpQ

 

 

Secretário da SDR visita instalações da COOPERSABOR

O Secretário Jeandro Ribeiro, em sua primeira visita ao território do Sisal e vindo até a cidade de Monte Santo, na oportunidade, para entras significativas de investimentos para a agricultura familiar do município, como máquinas forrageiras, mudas de palma forrageira e kits apícolas, além da entrega de quase 300 títulos de terra, junto a  Coordenação de Desenvolvimento Agrário (CDA).

Foto: Beneficiária Cleonice entregando ao secretário cesta de produtos da Rede Monte Sabores

Após cerimônia, o secretário visitou as instalações da sede da Associação Regional dos Grupos Solidários de Geração de Renda (ARESOL) e também da COOPERSABOR (Cooperativa Regional de Agricultores/as Familiares e Extrativistas da Economia Popular e Solidária).

PROJETO BAHIA PRODUTIVA – Campo Formoso

Durante a realização da 14ª Regional da Economia Popular e Solidária, realizou-se importante momento para o desenvolvimento das redes de agricultura familiar no município de Campo Formoso e micro-região, através da assinatura de convênios do projeto Bahia Produtiva.

O diretor executivo da CAR (Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional), Wilson Dias, assinou três convênios, com as seguintes associações:

Associação Comunitária dos Agricultores Rurais de Lagoa Branca
Associação Comunitária Quilombola da Agricultura Familiar de Patos II
Associação Quilombola dos Agricultores Familiares de Bebedouro

Visita do diretor Wilson Dias ao stand da Rede Monte Sabores, na FEIRA REGIONAL DO GREPS – Campo Formoso

ARESOL & SERRA NORTE

As práticas cotidianas de uma cultura organizacional se constroem de diversas formas. E um momento importante dessa construção, são os encontros extraordinários, que auxiliam os grupos a fortalecerem suas práticas, seja reunindo para um planejamento, para uma confraternização, ou ambos. E foi assim, com esse intuito, que a equipe técnica da ARESOL se reuniu, entre os dias 17 e 19 de junho, para consolidar sua práxis, meditando nosso cotidiano e traçando horizontes almejados.

Escolhemos como redoma para este momento, um berço bem aconchegante, incrustado na nossa tão amada caatinga: o projeto de Eco Turismo Rural “SERRA NORTE”. Lá, tudo que se respira é paz e conexão com a natureza. Além da infraestrutura e suporte único na região, oportunizando condições confortáveis de realização das atividades.

Assim define a estadia por lá, Adriana Costa, componente da equipe ARESOL:

“Foi uma estadia muito positiva. O espaço é maravilhoso. A organização muito interessante.
Sem falar na receptividade, que é excepcional. São jovens, muito talentosos e interessados.
Cabe a nós, entidades, grupos e movimentos, desfrutarmos desse espaço solidário o máximo que pudermos.
Assim fortalecemos nossas redes. Além do mais, melhoramos nossas vivências organizacionais e interpessoais nos encontrando ou fazendo um retiro de planejamento como foi o nosso da ARESOL.
E no projeto SERRA NORTE isso foi possível”

A ARESOL está presente na região do projeto, através tanto da presença de iniciativas da economia solidária, quanto na assistência técnica, ambas realizadas junto a comunidade de fundo de pasto do BOM DESPACHO, responsável, inclusive, pelo Programa Nacional de Alimentação Escolar – PNAE, no município de Itiúba.

Vida longa e sustentável ao projeto SERRA NORTE.
Visitem. Divulguem. Revisitaremos certamente!

Confiram os registros de nossa vivência em nossas redes sociais:
Fotos:
https://www.facebook.com/pg/EducomunicAresol/photos/?tab=album&album_id=1824272261047148
Vídeo:
https://youtu.be/4XZmzEk72Sw

Arraiá da Democracia foi sucesso!

Com celebração muito animada e a presença massiva da comunidade local e região, a ARESOL realizou o Arraiá da Democracia.

Em sua terceira edição, a festa contou com a animação das tradicionais quadrilhas juninas. Em mais este ano, a “Estrela Junina” brilhou durante o festejo, com belíssima apresentação. Antes, o poeta JOSÉ FRANCISCO (comunidade do Riacho da Onça), em lúdicas e rimadas palavras, abriu as comemorações, declamando poesia de sua autoria, dedicada aos grupos da ARESOL.

Outra experiência certa e prazerosa durante os festejos, são as degustações de comidas típicas, além da comercialização de produtos de grupos solidários locais.

A criançada se divertiu e brincou na “quebra-do-pote” e na “fogueira junina”.

A banda prata da casa, capitaneada por EVERTON COSTA, abriu a programação de shows da noite. O cantor estreou sua participação no Arraiá da ARESOL este ano e trouxe para o público um show especial.

O segundo show ficou por conta de RENNAN MENDES e banda, que animou a festa até o virar do dia. Com trégua de São Pedro, as chuvinhas se seguraram para que nosso povo dançasse a vontade. O forró rolou solto e a festa seguiu, bonita e animada, entrando na madrugada.

Celebrar é esperançar. Lutar pela democracia é uma tarefa que não permite paradas. E assim foi, o Arraiá da Democracia, pois nossa luta é todo dia!

 

Confira + fotos do evento em nossa página no facebook. Acesse:

https://www.facebook.com/pg/EducomunicAresol/photos/?tab=album&album_id=1799492356858472

 

ARRAIA DA DEMOCRACIA – Nossa Luta é Todo Dia!

Com muita satisfação e forró no coração que a comunidade ARESOL é convidada a lutar e forrozear, em mais um arraial solidário!

Numa noite para confraternizar e fortalecermos na esperança de um futuro melhor, o Arraia desse ano contará com a presença de RENNAN MENDES e Banda (Uauá), EVERTON COSTA (Monte Santo) e a apresentação da quadrilha “Estrela Junina”, além das tradicionais comidas típicas.

O evento acontece no próximo dia 13, em frente a sede da ARESOL, na rua Hélcio Cardoso (saída pra Lagoa do Saco)
Venha ser parte desse encontro junino, festejar Santo Antônio e lutar por democracia, pois nossa luta é todo dia.

“Uma revolução sem dança, é uma revolução que não vale a pena.”  (V de Vendetta – O filme)

 

Dia de Sal no Salgado

Em Monte Santo, na comunidade do Salgado, no último dia 07, a comunidade colocou a mão na massa em prática agroecológica através do projeto Bahia Produtiva.

Nesse importante intercâmbio, agricultoras e agricultores apreenderam a produzir sal alternativo e medicamentos naturais a serem utilizados nos rebanhos. Nesta etapa, beneficiárixs do projeto Bahia Produtiva, executado pelo Movimento de Organização Comunitária (MOC) receberam visita técnica com práticas agroecológicas, visando o melhoramento das criações locais.

Essa ação é mais uma atividade da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), executada pelo Governo do Estado da Bahia, via Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR).